Hospedagem de sites: Uma tremenda diferença em 24 horas

Hospedagem de sites: Uma tremenda diferença em 24 horas

Fui obrigado a trocar o servidor de hospedagem do blog nesta semana. Eu acomodava não só este endereço – ricardoandretto.jor.br – mas também outros dois, o da minha esposa arquiteta – erikaandretto.arq.br – e o da minha cunhada advogada – simonirezende.adv.br – na Locaweb, inclusive com e-mails profissionais. A empresa me informou, via e-mail, de que a renovação automática do serviço seria realizada por um valor que eu considero acima do mercado. Por conta disso, decidi entrar em contato numa boa com a Locaweb para negociar, já que não via mais vantagens em manter os sites hospedados com eles. Foi aí que tive uma decepção tremenda…

Abri um chamado dentro do ambiente voltado aos clientes. No chamado, eu mandei a real com a Locaweb e expliquei os motivos pelos quais eu gostaria que eles fizessem uma redução no valor cobrado para a renovação, solicitando  também que eles inserissem, ao menos, um certificado SSL para o meu blog pessoal – essa é uma preocupação constante, já que a Locaweb não oferece nenhuma solução gratuita do tipo e artifícios externos apresentaram problemas (entenda o caso clicando aqui).

Fui surpreendido, um dia depois, com uma ligação de uma atendente da empresa. Muito prestativa, a funcionária disse que não poderia fornecer o certificado – que é oferecido de graça por outras empresas – e que se eu quisesse um, teria que utilizar um endereço alternativo (que não teria função para mim) ou fazer uma aquisição à parte. A atendente ainda falou que poderia fornecer um desconto de 20% para que eu continuasse como cliente Locaweb. Sendo assim, apesar da desvantagem do SSL e para evitar dores de cabeça com migrações para outros servidores, eu resolvi aceitar a proposta. Eles conseguiram praticamente igualar o valor oferecido por um outro serviço que eu estava de olho. Fim de história? Infelizmente não…

Eis que chega o dia da renovação do serviço e o que acontece? Sou cobrado pelo valor incorreto. Esse é o primeiro erro da Locaweb no caso. Tentei reabrir o chamado na área do cliente – que já estava fechado pela inatividade há dias – e não consegui por um erro de sistema. Pronto, segunda falha. Decepcionado, então, resolvo abrir um chat com uma funcionária da empresa e é aí eles perdem o cliente por um terceiro erro – por passar informações que parecem “robóticas” e por não encontrar uma solução digna para  o problema.

Sabe, eu sou um cara teimoso. Então mesmo que o serviço não seja perfeito, eu prefiro continuar apostando no certo do que no duvidoso. Se tem uma empresa me oferecendo um serviço e que, mesmo limitado, dê conta do recado e que não me dê dores de cabeça – como seria se eu tivesse que fazer uma migração de sites, por exemplo – eu continuaria com ela. Só que a solução que a Locaweb me propôs, meus amigos… é de deixar qualquer desenvolvedor de cabelo em pé.

A atendente me informou que para eu ter o valor estornado no meu cartão, eles precisariam CANCELAR o serviço de hospedagem. E sabem o que um cancelamento significa, né? Perda de dados! Eu cheguei a perguntar se a funcionária estava falando sério sobre o assunto e que precisavam corrigir o erro que eles mesmo criaram sem prejudicar o cliente. A resposta dada é de que a Locaweb poderia me conceder o desconto da DIFERENÇA cobrada a mais em uma próxima fatura – ou daqui UM ANO, já que as cobranças do meu serviço são anuais. Ou seja, uma piada!

Claro que voltei a argumentar de que gostaria apenas da diferença de volta, mas depois de um tempo pensei bem e resolvi, por fim, prosseguir mesmo pelo cancelamento. Abri um novo chamado interno e estou aguardando restituição. O resultado disso tudo: Locaweb perdeu um cliente, pela falta de respeito com o consumidor. E olha que eles já tinham me perdido anteriormente para um outro projeto maior, que é o site REVIL, especializado em Resident Evil.

Luz no fim do túnel

O resultado da falta de comprometimento da Locaweb em resolver um problema simples com o cliente me forçou a buscar refúgio em outro serviço de uma empresa concorrente, a E-Consulters, que há mais de dois anos já abriga o REVIL – projeto que eu inclusive migrei para a hospedagem deles depois de problemas com a própria Locaweb.

É com comprometimento e transparência que eles ganharam mais três sites, com direito a contratação de um serviço que já inclui SSL gratuito – sem necessidade de sair mendigando esse elemento para ninguém. E o melhor nisso tudo é que eu não precisei mover um dedo para migrar os conteúdos da outra hospedagem, já que os profissionais da E-Consulters se responsabilizaram com tudo. Dito isso, fica a minha recomendação: utilizem o serviço da E-Consulters, por que os caras realmente entendem o que estão fazendo e se comportam como humanos, não como robôs. Em 24 horas eles fizeram uma tremenda de uma diferença – sim, esse foi o tempo entre eu decidir sair da Locaweb, contratar o outro serviço e a migração dos sites se efetivarem.

Vida que segue…

Compartilhe